Mundo

Presidente da Argentina pega Covid mesmo após receber duas doses da ‘Sputnik’

Fernández afirmou que se não tivesse tomado as duas doses da Sputnik V, estaria muito mal. A Sputnik V”, é a mesma vacina na qual o governador Camilo Santana (PT) encomendou com 5,87 milhões de doses.

Mesmo vacinado, Alberto Fernández, 62 anos, presidente da Argentina, testou positivo para Covid-19. Presidente argentino foi vacinado com duas doses da vacina “Sputnik V”, a mesma vacina na qual o governador Camilo Santana (PT) encomendou com 5,87 milhões de doses.

A previsão é que o imunizante esteja disponível para o estado em abril, segundo o Governo do Ceará. Apesar de mesmo imunizado pegar o vírus, Fernández afirmou que se não tivesse tomado as duas doses da Sputnik V, estaria muito mal. Fernández também aguarda o resultado do exame RT-PCR, o mais indicado e recomendado por especialistas.

Especialistas em saúde vem dizendo que os dados até agora mostraram que as vacinas da Covid-19 previnem os sintomas do vírus, mas um novo estudo sugere que as vacinas Moderna e Pfizer também podem prevenir infecções.