Política

Tasso volta a atacar governo Bolsonaro, desta vez na FIEC, sob os olhares de Beto Studart

Um dia após, Beto Studart vir a público e gravar vídeo pedindo apoio ao governo federal e suas reformas, o tucano tornou a atacar o governo Bolsonaro, focando na região nordestina.

Um dia após, o empresário Beto Studart vir a público e gravar vídeo pedindo apoio ao governo do presidente Jair Bolsonaro (PSL) e suas reformas, o tucano Tasso Jereissati (PSDB), voltou a atacar, mais uma vez, o governo Bolsonaro. Sendo que desta vez, dentro da própria Federal das Indústrias do Ceará, sob os olhares e ouvidos atentos de Beto Studart: “Nordeste não é prioridade para esse Governo”, criticou Tasso.

Senador cearense também elogiou a iniciativa dos governadores nordestinos na criação do Consórcio Nordeste, independente do Palácio do Planalto. “Efetivamente o Nordeste não é prioridade para o Governo Federal. Eu não tenho visto nenhuma sinalização concreta de prioridade”, destacou o parlamentar. É necessário que haja uma política de desenvolvimento tendo como prioridade o desenvolvimento os mais pobres”, completou Tasso, sob aplausos.

Sobre pautas previstas para o Congresso Nacional neste semestre, Tasso disse que virão a reforma tributária e mudanças no plano da legislação da economia como forma de desburocratizar as relações e atrair investimentos. Ele até lamentou que as pautas estejam caminhando mais pelo esforço do Congresso do que por ação do governo Bolsonaro.