Ceará, Política

Romildo Rolim reassume presidência do BNB após indicação do “Centrão” fracassar

Romildo havia sido substituído por Alexandre Cabral, indicado pelo “Centrão”, mas acabou também exonerado do cargo em menos de 24 horas depois de assumir o comando da instituição.

No último dia 3, Alexandre Cabral, que havia tomado posse um dia anterior, foi destituído do cargo. Especulava-se que o posto seria ocupado por alguém indicado pelo presidente  do Partido Liberal (PL), Valdemar Costa Neto. O gesto era considerado uma aproximação do presidente Jair Bolsonaro com o “Centrão”, bloco conhecido na Câmara dos Deputados por fazer acordos em troca de votos e cargos.

O Conselho de Administração do Banco do Nordeste anunciou nesta quarta-feira, 24, a recondução de Romildo Carneiro Rolim ao cargo de presidente da instituição. A decisão foi realizada em sua 683ª Reunião.