Brasil

Raquel Dodge (PGR) confirma suspeita de ação criminosa nos incêndios da Amazônia

PGR informou que o MPF decidiu pedir a abertura de inquéritos para identificar e punir os responsáveis – ofício com pedido de apuração foi enviado a Sergio Moro. 

A Procuradora Geral da Republica, Raquel Dodge (PGR) confirmou agora, há pouco, que há, sim, suspeita de ação criminosa orquestrada nos focos de incêndio que se espalham pela região amazônica.

A PGR informou que o Ministério Público Federal decidiu pedir a abertura de inquéritos para identificar e punir os responsáveis – ofício com pedido de apuração foi enviado a Sergio Moro.

Mais cedo, a Polícia Federal já havia anunciado a Operação Verde Brasil, que mira eventuais delitos ambientais na Amazônia. Na semana passada presidente Jair Bolsonaro (PSL) cogitou a possibilidade de haver incêndios criminosos para prejudicar a imagem de seu governo.

A PF investiga pelo menos 153 suspeitos, entre eles integrantes de ONGs, agricultores e sindicalistas ligados a esquerda, oposição ao atual governo federal.