Ceará

Prefeito de Nova Olinda é afastado por irregularidades na compra de combustível

O prefeito será investigado por gastos excessivos de gasolina e diesel, entre os anos de 2017 e 2018. 

A Câmara de Vereadores de Nova Olinda, na Região do Cariri, conseguiu afastar por unanimidade o prefeito da cidade, Afonso Sampaio (PSD), por suposta irregularidade na compra de combustível.

A votação ocorreu na noite desta quinta-feira, 14. No total foram 9 votos favoráveis e 2 contrários ao afastamento do gestor que é acusado pela compra excessiva de combustível entre os anos de 2017 e 2018. Segundo os parlamentares, foram gastos milhões com o abastecimento da frota dos veículos da Prefeitura.

O valor não foi divulgado a imprensa.