Cidades

PF diz que “áudio vazado do deputado Bruno Gonçalves (PL) é autêntico e não houve edições”

Laudo de 40 páginas é assinado pelo perito criminal Rodrigo Gurgel, da PF. Foi finalizado em 30 de outubro e anexado nesta quarta-feira, 11, à investigação conduzida pelo MP-CE.

O laudo oficial da Polícia Federal atestou hoje ser autêntico o áudio vazado em que o deputado estadual e candidato a prefeito de Aquiraz, Bruno Gonçalves (PL), aparece numa conversa envolvendo uma suposta compra de apoio político com dinheiro público.

O diálogo foi gravado por Maninho Palhano, que pretendia ir ao PL do prefeito Acilon Gonçalves, pai de Bruno Gonçalves (PL), onde envolvia oferta de vantagens financeiras em troca de apoio político.

O laudo de 40 páginas é assinado pelo perito criminal Rodrigo Gurgel, da PF. Foi finalizado em 30 de outubro e anexado nesta quarta-feira, 11, à investigação conduzida pelo Ministério Público do Ceará. (Foto: Pio Rodrigues)