Ceará, Turismo

Idoso preso, injustamente, é solto após ser acusado de tráfico de drogas com mala plantada por Aeroporto de Fortaleza

José Pereira, de 71 anos, foi preso no aeroporto de Lisboa, acusado de ser o dono de uma mala azul contendo 11 quilos de cocaína, plantada dentro do Aeroporto Internacional de Fortaleza pela companhia aérea Gol. 

E63DC7EE 78D7 4B2B 8A33 184654C45CB6

Um idoso preso, injustamente, em Portugal acusado de tráfico internacional de drogas, é solto depois de 48 dias. José Pereira, de 71 anos, foi preso no aeroporto de Lisboa, acusado de ser o dono de uma mala azul contendo 11 quilos de cocaína, plantada dentro do Aeroporto Internacional de Fortaleza pela companhia aérea Gil.

A história começou no aeroporto de Fortaleza, quando ele e a mulher embarcavam para a Europa.

Após intenso trabalho de seus advogados no Brasil e em Lisboa, a esposa Valdilene passou 48 dias lutando pela libertação do marido até que, esta semana, o Ministério Público de Portugal se convenceu da inocência de Pereira.

O Ceará é hoje, rota internacional para o tráfico de drogas e está entre os Estados com maior flexibilidade de saída e entrada de drogas.