Cidades, Saúde

Governador prorroga isolamento no Estado e ‘Lockdown’ em quatro municípios

O plano de retomada da economia não avançou no Ceará nesta semana. O crescimento de infectados cresceu no Cariri e “acende a luz amarela” na região, segundo Camilo.

Camilo Santana (PT) decidiu manter Fortaleza ainda na 1ª fase de retomada da economia e também o restante do Interior na fase de transição do plano. Depois de autorizar a 1º fase para a retomada das atividades econômicas em Fortaleza, era esperado que outras regiões avançassem como a Capital, mas governador voltou a justificar que os indicadores de saúde são preocupantes e que estão em primeiro lugar nas decisões, por isso o comitê de Saúde resolveu manter os estágios atuais.

“Fortaleza continua numa tendência de queda forte de casos, óbitos e demanda por leitos de UTI e enfermaria”, confirmou Camilo, lembrando que a Capital só deve avançar para a fase 2 na próxima semana, se este cenário for mantido com casos em queda.

Para o próximo dia 22, há a expectativa de que Fortaleza possa avançar para a fase 2, cumprindo o prazo mínimo de 14 dias da fase 1, a depender do índice de contaminação, morte e ocupação de leitos (enfermaria e UTIs). Ao todo, serão 4 fases até que todo o setor produtivo do Estado volte 100% ao trabalho.