Ceará, Cidades

Família denuncia descaso na saúde pública de Pacajus e acusa vice-prefeito de descumprir liminar

De acordo com relatos da mãe da paciência, Camila da Silva, o vice-prefeito Bruno Figueiredo (PDT), atual gestor do município, vem descumprindo uma limar judicial do TJ-CE concedida a favor da saúde da paciente paralítica.

98E55FA0 D821 40B3 9C61 465C790011FD

Mãe denuncia descaso com saúde da filha pela Prefeitura Municipal de Pacajus, há 51 km de Fortaleza, relata omissão por parte de vice-prefeito do município. De acordo com relatos da mãe, Maria do Carmo, que apresentou provas documentais do Ministério Público e do Tribunal de Justiça do Ceará, a mesma denuncia o não cumprimento imediato de uma liminar judicial que obriga a prefeitura de Pacajus à custear e fornecer a entrega de medicamentos e auxílio por parte da gestão do vice-prefeito Bruno Figueiredo (PDT), para o tratamento de saúde da filha, Camila da Silva.

94F9CCA5 D7B5 4C2C 9498 3679CE853D35

De acordo com a liminar na qual a equipe da Revista Ceará teve acesso, o não cumprimento da decisão já vem acarretando multas diárias no valor de R$ 1.000,00 mil reais à prefeitura. A paciente encontra-se paralítica, após sofrer uma queda dentro de uma escola do município.

O vice-prefeito citado na denúncia pela mãe da paciente, é o político que assumiu a cadeira do prefeito eleito Flank Chaves (PSD), após decisão judicial do Superior Tribunal de Justiça. Vice-prefeito também é acusado, por vereadores do município, de armar um golpe e derrubar o colega cabeça de chapa, assumindo assim o lugar à frente da prefeitura.

A mãe da paciente relata ainda que a filha sofreu uma parada cardíaca nas últimas horas decorrente da falta do medicamento e pede a doação de uma cadeira de rodas para a filha.