Ceará

Esporte / Aquisição da ‘Cidade Vozão’ vai parar nos tribunais, torcida apreensiva

Construção que teria custado quase R$: 2 milhões, foi vendida ao clube por R$: 6 milhões, segundo denúncias.

Com o objetivo de se estruturar e se tornar uma equipe de ponta do futebol brasileiro, o Ceará Sporting Club passou por diversas mudanças, entre elas um grande progresso em suas instalações. Nos últimos anos, principalmente desde 2008, o clube cearense conseguiu crescer de forma eminente, capacitando os profissionais que trabalham no dia a dia do clube na realização de suas atividades. Em 2014 ampliou e construiu o novo centro de treinamento do Ceará, o ‘Cidade Vozão – CT Luis Campos’, inaugurado na cidade de Itaitinga. O CT foi considerado um ‘presente’ no ano do centenário do clube.

Recentemente uma ordem judicial expedida pela 26ª Vara Civil ordenou que o clube Ceará SC deposite judicialmente os pagamentos relativos à aquisição do empreendimento. A medida visa resguardar a construtora responsável pelas obras que enfrenta há mais de 10 anos na justiça uma batalha com o clube para receber pelas obras. Segundo apurou a Revista Ceará, o processo envolve o atual Diretor do Patrimônio do Clube, Ângelo Oliva, por quem o clube estaria relutante em cumprir a decisão judicial há mais de 20 dias, já que os pagamentos seriam direcionados, logo em seguida bloqueados pela justiça. O empresário Ângelo Oliva, seria ainda o responsável por não efetuar os pagamentos à construtora responsável na época das obras, quando os pagamentos eram de responsabilidade da empresa de investimentos. O caso foi parar no Tribunal de Justiça – TJCE nas mãos do desembargador Jucid Amaral e poderá trazer repercussões negativas para o clube, uma vez que o empresário é sócio da empresa proprietária do imóvel com o Ceará SC e ocupa o cargo na Diretoria do clube.

Ainda de acordo com os autos do processo na qual a Revista Ceará teve acesso, o Ceará SC estaria ciente desde 2013 e ainda veio a assinar o contrato de aquisição no ano do centenário, com direito a festa para torcedores no Castelão, antes do jogo contra o CRB pela Copa do Nordeste em 2014.

A polêmica ‘Cidade Vozão’ possui uma área, onde o torcedor alvinegro tem a oportunidade de conhecer o resultado das reformas realizadas na: Academia, Alojamentos, Caixa de Areia, Categorias de Base, Centro Cultural, Centro de Repouso, Departamento Médico (DM), Estádio Carlos de Alencar Pinto (Vovozão), Hotel, Imprensa, Lavanderia Industrial, Refeitório, Sala do Presidente, Sala do Treinador, Salas da Comissão Técnica e Vestiários.

CE132B99 787B 4609 943F E3DFF670ED90 00B251A2 0E42 4474 AC5D 4FA162BBE766