Brasil

Eleições / Tasso lamenta derrota de politicos tradicionais e diz que Bolsonaro é muito perigoso

“A ventania no Congresso Nacional derrubou bons e ruins”, lamentou Tasso Jereissati (PSDB), na política há mais de 20 anos.

O senador pelo Ceará, Tasso Jereissati (PSDB) acena não ter gostado muito do olho do furacão que varreu parte da política tradicional das urnas nessa eleição. A “ventania no Congresso derrubou bons e ruins”, lamentou Tasso. “O clima no Senado Federal está pesado. Com a quantidade de gente que não se elegeu, está todo mundo para baixo, deprimido. Acho que nunca vi isso. A renovação, nas outras eleições, não era tão grande, e tem gente muito boa [que não se reelegeu]”, completou.

O senador cearense faz parte da política cearense, há mais de 20 anos. Recentemente foi criticado por Camilo Santana (PT) por nunca ter feito nada durante o governo do petista.

Onda Bolsonaro

Para Tasso, “o grupo de Bolsonaro é muito perigoso”, e senadores já se articulam em um “grupo do bom senso” para resistir a empreitadas polarizantes. A “ventania no Congresso derrubou bons e ruins”, lamentou.

Quando perguntado se tinha preocupação com a democracia, após a eleição de Jair Bolsonaro (PSL), Tasso respondeu: “O grupo dele é muito perigoso nesse sentido, mas acho que as instituições, pelo quadro que estou vendo aqui no Senado, serão uma coisa bem resistente, um ponto de equilíbrio bem forte. A confirmar, em função dos que estão chegando aí”, disse.