Brasil

Bolsonaro volta a culpar governadores pelo aumento da gasolina nos Estados

Bolsonaro disse que Estados anularam imposto zero sobre combustível: Gasolina no Ceará já chega a R$ 6,39 o litro em cidades do interior.

(Foto: Jonathan Campos)

Bolsonaro diz que governadores anularam imposto zero sobre combustível: “Reduzimos imposto sobre gasolina por dois meses. Os governadores então foram lá e aumentaram o ICMS. Gastamos quase R$ 3 bilhões e não deu certo”, disse @jairmessiasbolsonaro.

Em março deste ano, o Governo Federal zerou os impostos “PIS e Cofins” que incidem sobre combustível, mas o consumidor final não sentiu a mudança nas bombas.

O Preço da gasolina no Ceará voltou a disparar novamente e saltou de R$ 5,79 para R$ 6,39 o litro, em alguns postos do interior do Estado. Consumidor pode fazer denúncia se constatar preço abusivo de gasolina, diz a ANP.

Em Pacoti e Juazeiro do Norte, o litro do combustível chegou a R$ 6,39, a depender da forma de pagamento. Nas imediações da serra de Guaramiranga, como Baturité, postos cobram R$ 5,99. O preço é considerado um novo recorde das bombas ao consumidor final.

Em Fortaleza, o salto foi ainda maior, conforme a ANP, passando de R$ 5,51 para R$ 5,97 (preço médio), uma disparada de 46 centavos, em menos de duas semanas. O preço máximo na Capital chegou a R$ 5,97. Os principais canais de denúncia e fiscalizadores na ponta são os Procons de cada estado.