Política

Após chamar Lula de enganador, Ciro pede que ex-presidente seja seu Vice; PT diz que é desespero

O ex-ministro fez um apelo à Lula e implorou para que o ex-presidente seja seu vice nas próximas eleições contra o atual presidente Jair Bolsonaro.


O ex-ministro Ciro Gomes, nome do PDT à presidência em 2022, pediu que o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) tenha a “generosidade” de não concorrer no ano que vem. “A gente devia pedir generosidade a quem já teve oportunidade, como o Lula, que é uma grande liderança brasileira”, disse.

Para pedetista, Lula deveria se espelhar no exemplo da argentina Cristina Kirchner e concorrer como vice-presidente chapa vencedora liderada por Alberto Fernández, e não no do ditador da Venezuela, Nicolás Maduro, e do ex-presidente da Bolívia Evo Morales.

“A gente devia pedir generosidade a quem já teve oportunidade, como o Lula, que é um grande líder da história brasileira, mas a gente devia pedir a ele que se compenetrasse e que não imitasse o exemplo desastrado do Maduro na Venezuela ou o exemplo desastrado do Evo Morales na Bolívia. E que olhasse o que a Cristina Kirchner fez na Argentina, em que, tendo uma força grande, deu um passo pra trás e ajudou a Argentina a se reconciliar”, afirmou.